Publicado por: Fernando de Oliveira | 22/10/2015

Internet 5G iniciará testes no Brasil a partir do ano que vem

Enquanto isso, continuamos sofrendo com o 3G!!

Metal antenna symbol with letters 5G on white

Metal antenna symbol with letters 5G on white

O primeiro teste da conexão 5G acontecerá no país em 2016, através de uma parceira da sueca Ericcson com a América Móvil e as universidades de São Paulo, Federal do Ceará e Unicamp.

O anúncio foi feito durante a visita da presidente Dilma Rousseff à sede da empresa na Suécia nesta segunda (19). “Estou convencido de que a próxima geração de banda larga móvel e a Internet das Coisas, possibilitadas pelo 5G, vão acelerar ainda mais as oportunidades de avanço em áreas como saúde, educação, serviços de energia e agricultura, e em novas aplicações na indústria”, disse Hans Vestberg, presidente e CEO da Ericsson.

A Ericsson, juntamente com a América Móvil, realizará o primeiro teste de 5G no Brasil durante o ano de 2016. O projeto vai permitir que operadoras de telecom e seus parceiros, como instituições acadêmicas, agentes de saúde, energia e agricultura testem as funcionalidades da conexão em uma rede ao vivo.

Além disso, a Ericsson e a América Móvil também irão implementar um sistema de testes para Internet das Coisas (IoT). Essa iniciativa vai focar, especificamente, em aplicações de baixo consumo de bateria, como sensores de baixa potência para áreas remotas.

“Para o 5G, nosso foco é entender como os sistemas serão usados tanto pela sociedade quanto pela indústria. Para estar com redes comerciais prontas em 2020, a Ericsson fechou uma parceria com a América Móvil para o primeiro sistema de testes de 5G no Brasil, como uma demonstração clara da nossa vantagem competitiva, e, ao mesmo tempo, uma forma de levar a pesquisa para fora dos laboratórios e para redes de teste ao vivo.”

5G IIAlém da pesquisa de 5G com a Universidade Federal do Ceará (UFC), que já falamos por aqui, a Ericsson também anunciou programas adicionais com a Universidade de São Paulo (USP) e a Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), a serem realizados em 2017. Uma delas é a a Cyber-Physical Systems, que são redes que se comunicam sem intervenção humana. Eles poderiam, por exemplo, fornecer a base para sistemas rodoviários que se comunicam com autoridades rodoviárias em casos de emergência, sistemas de clima, que monitoram as condições da estrada, e carros autônomos.

Foi apresentado também o MiMo (multiple-input multiple-output), com a Universidade Federal do Ceará. Trata-se de sistemas de 5G com design transceptor com várias antenas em estações rádio base e terminais de usuários (MiMo). O objetivo é aumentar significativamente a capacidade dos sistemas de comunicação móvel atuais.

O teste de rádio da Ericsson demonstrou 5Gpbs em 2014 – a primeira no mundo – e a companhia está começando testes e medições ao ar livre. O objetivo é a implementação comercial completa até 2020.

Fonte: Mundo Bit


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: