Publicado por: Fernando de Oliveira | 21/03/2015

Dell ‘rouba’ primeiro lugar da Positivo na venda de notebooks no Brasil

Dell[1]De acordo com recente relatório divulgado pela consultoria IDC Brasil, a Dell assumiu a liderança no mercado brasileiro de notebooks no quarto trimestre de 2014, com 17,5% de todas as unidades vendidas no período. Quando considerado o volume total de PCs, a empresa ocupa a segunda posição geral do setor, mas com o maior crescimento da indústria, com 15,9% de acréscimo sobre o trimestre anterior e com 33,2% de aumento na comparação ano-a-ano.

“Essa performance da Dell reflete uma agressiva estratégia da empresa de liderar esse setor no país, baseada em equipamentos e serviços que atendam às demandas dos usuários finais e corporativos, na ampliação e fortalecimento dos canais de vendas, bem como na oferta de um portfólio completo de soluções de TI”, afirma Luis Gonçalves, Presidente da Dell Brasil. “Em apenas um ano, saltamos da quarta para a primeira posição nas vendas de notebooks, bem como mantivemos a liderança em mercados-chave, como o de PCs para médias e grandes empresas”, complementa.

A Positivo foi a empresa que perdeu a ponta para a rival Dell. No último dia 5 de março, a fabricante nacional divulgou seus resultados e eles foram afetados pela queda do mercado nacional. O lucro líquido de 5,3 milhões de reais no quarto trimestre do ano passado, queda de 83% frente ao mesmo período de 2013, com baixa das vendas de PCs e tablets.

A receita líquida somou 618,3 milhões de reais no quarto trimestre, queda de 19,6% ano contra ano. As vendas de PCs e tablets tiveram baixa de 15,9 por cento no período, enquanto as de smartphones subiram mais de 230%.A empresa admitiu a conjuntura adversa de mercado. “No varejo, a demanda esteve enfraquecida em função da queda da confiança do consumidor e do aperto no crédito às pessoas físicas, o que acarretou a diminuição do tamanho do mercado de hardware no Brasil”, disse em seu relatório de resultados.

De acordo com os dados da IDC, a venda de computadores foi 26% menor em 2014.. Ao todo foram comercializados 10,3 milhões de PCs em 2014, sendo 4 milhões de desktops e os demais notebooks. Vistos separadamente, os computadores de mesa tiveram queda de 31% nas vendas. Os portáteis, de 22%. Os números são da consultoria IDC.

“Tradicionalmente, março é um mês muito positivo para o mercado de PCs, porém, o Carnaval adiado fez com que o 1º trimestre fosse muito negativo em vendas. Logo em seguida houve a Copa do Mundo e os varejistas focaram em outras categorias de produtos, diz o analista da IDC Brasil, Pedro Hagge. Para 2015, nova queda, ainda que menos intensa do que a do ano passado. A IDC Brasil projeta recuo de 3% do mercado de PCs no Brasil. A avaliação é de que a alta do dólar vai dificultar a recuperação – em algumas lojas, os preços já estão de 15 a 20% mais caros do que custavam há seis meses.

Fonte: Convergência Digital


Responses

  1. Tenho uma simpática torcida pela marca Positivo. De qualquer forma, acho, é o melhor quem tem que liderar.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: