Publicado por: Fernando de Oliveira | 22/01/2015

Locutor de rádio, fotojornalista e repórter de jornal estão em top 10 de profissões estressantes

Depois perguntam o porquê de tantas pressões altas e taxas de fumantes e alcoólatras. Jornalista é, por definição, nervoso e ansioso (na maioria das vezes).

Jornlista estressadoTrabalhar com a produção de notícias pode ser tarefa prejudicial ao sistema nervoso, ao menos é o que sinaliza a pesquisa promovida pelo site CareerCast, cujos resultados foram divulgados nesta semana. Na lista das 10 profissões mais estressantes para quem mora nos Estados Unidos, alvo do estudo, três são ligadas ao meio da comunicação: locutor de rádio, fotojornalista e repórter de jornal.

Entre as funções jornalísticas citadas, a menos bem avaliada é a de locutor de rádio, que figura na sétima posição do ranking. De acordo com a CareerCast, profissionais da área são cobrados por atuarem sob os “olhos do público”. De acordo com os organizadores do estudo, quem atua no dia a dia à frente dos microfones de uma emissora radiofônica tem média de salário anual de US$ 60.070,00. A taxa de estresse, item que define as posições, é de 50.30.

Duas posições atrás da função de locutor de rádio, fotojornalista tem o nível de stress pontuado em 49.22, com salário anual médio de US$ 42.530,00. Ao falar do setor, a equipe do ranking destacou a coragem de quem lida com imagens. “Você já viu uma foto de tirar o fôlego em seu jornal ou site e se perguntou como aquilo foi capturado? Agradeça a um fotojornalista que arrisca a sua própria segurança para registrar momentos importantes em notícia e história, preservando-os para sempre”.

Na décima colocação do levantamento definido pelo CareerCast, repórter de jornal tem a média dos ganhos anuais 38,26% menor que o salário de um locutor de rádio, recebendo US$ 37.090,00. A taxa de estresse é avaliada em 48.76. Ao falar da função, os responsáveis pelo top 10 de apostas de profissões estressantes em 2015 chamaram a atenção justamente para os “baixos salários” da área, além da ameaça de ser demitido. “Essa é a vida diária de um repórter de jornal, que faz tudo ao mesmo tempo com prazos exigentes”, observa a pesquisa.

Jornlista estressado IIConfira, abaixo, a lista completa do CareerCast com as profissões estressantes:

10°- Repórter de jornal

9°- Fotojornalista

8°- Coordenador de eventos

7°- Locutor de rádio

6°- Ator

5°- Policial

4°- Polito de avião

3°- General militar

2°- Militar alistado

1°- Bombeiro

Fonte: Comunique-se


Responses

  1. Deve ser tenso descrever o mundo todos os dias


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: