Publicado por: Fernando de Oliveira | 05/08/2014

Olhos tremendo: Entenda o que acontece com o seu organismo

Esse é um problema recorrente em várias pessoas. Na verdade, não conheço ninguém que já não tenha sofrido com esse tremor alguma vez.

Abaixo reproduzo um bom texto sobre isso.

olhos-espMuitas pessoas já sentiram a sensação de ter os olhos “tremendo” ou “pulando” involuntariamente, vários oftalmologistas registram casos de pacientes estranhando a sensação e se preocupando com o tremor presente na pálpebra.

Esses movimentos involuntários na pálpebra são mais comuns do que se imagina e podem afetar muitas pessoas, desde criança até adultos. A maioria das contrações involuntárias dos músculos da pálpebra, também chamadas de espasmo, não apresenta riscos e costuma ser passageira, porém algumas podem durar dias ou até meses. Apesar de ser uma contração sem um principal motivo aparente, esse espasmo pode surgir por:
Estresse: 

Espasmos oculares podem acontecer devido ao estresse sofrido no dia a dia, principalmente se resultam de tensão ocular;
olhos tremendo cansaçoCansaço e fadiga: 

Cansar os olhos ficando muito tempo em frente a televisão ou monitores ou não dormir direito durante à noite, podem causar espasmos oculares, por sobrecarregar demais a visão;
Olhos secos: 

A falta de lubrificação dos olhos também pode causar espasmos, por isso é importante estar atento à umidificação do ambiente, principalmente locais onde possuem ar-condicionado;
olhos tremendo - stressExcesso de estimulantes: 

Bebidas estimulantes como café ou chá preto, quando consumidas em excesso, podem causar contrações oculares, como uma reação a todo o estímulo que o organismo está recebendo.

Para muitos especialistas, as contrações oculares são um sinal de aviso, de alerta, que o organismo dá para que se saiba que o momento é de desacelerar, seja em hábitos ou na rotina. Diminuir a ingestão de bebidas estimulantes, dormir 8h por noite e ter um horário de exposição às telas controlado, podem ser saídas para evitar o aparecimento de contrações nas pálpebras.

Se a contração persistir, um oftalmologista deve ser procurado, pois somente através do exame clínico é que o especialista poderá entender e tratar a contração.

Fonte: Onofre


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: