Publicado por: Fernando de Oliveira | 21/08/2013

‘Help!’ chega em alta definição às prateleiras brasileiras

PrintO longa-metragem Help!, lançado em 1965, dirigido por Richard Lester e estrelando os Beatles, volta em formato Blu-ray, som 5.1 e recheado de extras. Se no ano anterior a primeira experiência do grupo de Liverpool no cinema – A Hard Day’s Night (no Brasil, Os Reis do iê-iê-iê), foi filmado em preto e branco, com locações simples e baratas e mostrava um dia fictício na vida da banda, que ainda era um fenômeno local, Help! já encontra a banda em outro estágio da carreira. Em 1965, os Beatles já haviam conquistado os Estados Unidos e já eram uma potência grande o suficiente para merecerem um filme colorido, com locações nas Bahamas e nos Alpes Austríacos, apesar de manter o mesmo núcleo de trabalho de A Hard Day’s Night (diretor, produtor e astros).

O filme tem uma trama bem mais elaborada – um dos anéis usados por Ringo Starr é alvo de um ritual por parte de um grupo de religiosos, que persegue o baterista -, boas doses de humor e uma trilha sonora das mais inspiradas da história do cinema. O trabalho de restauração da imagem e o som 5.1 são brilhantes e os extras trazem um documentário sobre as filmagens, um outro sobre o processo de restauração do filme, cenas não usadas, os trailers oficiais usados nos cinemas e muito mais para agradar os fãs de carteirinha e os de primeira viagem.

Beatles HelpA experiência de ver o filme em Blu-ray é simplesmente única e ouvir canções como Help!, The Night Before, You’re Going to Lose That Girl e Ticket to Ride em som 5.1 atordoa. Os completistas podem até reclamar que a trilha original (em mono) deveria fazer parte do pacote. Mas, embora uma reivindicação justa, ela em nada diminui o valor do lançamento, bem cuidado em cada pequeno detalhe.

Quem nunca viu um dos filmes dos Beatles, Help! é a escolha mais certeira. Já para quem viu todos e já comprou as recentes reedições de A Hard Day’s Night, Magical Mystery Tour, Yellow Submarine e ainda espero a chegada do derradeiro registro em filme (Let it Be), Help! apresenta-se como um caprichadíssimo lançamento do filme mais bem produzido dos Fab Four.

Uma versão desse texto também foi publicado no jornal O Fluminense




Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: