Publicado por: Fernando de Oliveira | 27/01/2013

Buscapé incorpora novos recursos às compras

Site incorpora aos serviços as funcionalidades “Calcular Frete” e “Comprar Agora”

BuscapéDuas novas funcionalidades integram-se a partir das 14 horas da última quinta-feira, ao portfolio de serviços do Buscapé: ‘Calcular Frete’ – que permite agregar às ofertas apresentadas os respectivos custos da logística de entrega -, e ‘Comprar Agora’, onde as transações podem ser concluídas no próprio ambiente desse portal de comparação de preços (até agora, essa funcionalidade estava disponível apenas no aplicativo mobile do Buscapé, lançado no final do ano passado).

Por informar os valores calculados pelos próprios sistemas dos varejistas responsáveis pelas ofertas, o serviço ‘Calcular Frete’ é anunciado pelo Buscapé como “iniciativa inédita” em âmbito mundial. “No mercado norte-americano algumas ferramentas informam possíveis preços de fretes, porém a partir de estimativas”, compara Romero Rodrigues, CEO do Buscapé Company.

Tal serviço, ele justifica, beneficia o consumidor porque, quando considerado também o custo do frete, uma oferta inicialmente apresentada como financeiramente mais interessante pode perder essa vantagem: um refrigerador, por exemplo, dependendo da região do país aonde deverá ser entregue pode ter custo final mais de R$ 1 mil superior, comparativamente a outro frente ao qual ele inicialmente mostrava-se mais barato. E, pelas estimativas do Buscapé, cerca de 46% das compras hoje realizadas no Brasil via e-commerce exigem pagamento de frete.

Já o botão ‘Comprar Agora’ nasce com a capacidade de possibilitar diretamente a aquisição das ofertas de 1.070 varejistas (por enquanto, basicamente aqueles que utilizam os serviços da rede de afiliados Lomadee e/ou da plataforma de pagamentos Bcash, ambas integrantes do grupo Buscapé). Entre esses varejistas, operações do porte de Submarino, Casas Bahia, Americanas, Walmart, Extra, Shoptime, Saraiva e Ponto Frio, entre outras.

Para valer-se dessa funcionalidade, bastará o cadastro no Buscapé, mas, de acordo com Romero, os dados relativos a esses cadastros serão repassados aos varejistas responsáveis pelas vendas, que continuarão incumbidos do processamento e da entrega dos produtos.

E, com essa nova funcionalidade o Buscapé agregará uma nova fonte de receita aos cliques nos links que conduzem aos sites dos varejistas: taxas proporcionais às vendas, cujos percentuais ainda estão sendo definidos, mas partem, revela Romero, de uma estimativa inicial de 9,9%. “O botão ‘Comprar Agora’ possibilitará entregarmos aos varejistas 100% de conversão”, acrescenta Romero.

O CEO prevê que nos três primeiros meses de disponibilização da nova funcionalidade haverá cerca de 200 mil usos do botão para compra via Buscapé, portal mensalmente acessado por 30 milhões de consumidores, para os quais compara preços de 50 mil lojas. Atualmente, estima o grupo, cerca de 25% do e-commerce brasileiro passa pelo Buscapé.

Fonte: ProXXIma


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: