Publicado por: Fernando de Oliveira | 15/01/2013

Impressionistas fazem Rio bater São Paulo

Van Gogh A igreja em Auvers-sur-OiseComo já havia previsto aqui, a mostra dos impressionistas no CCBB, com 85 obras do acervo do Museu d’Orsay, de Paris, atraiu mais público no Rio que em São Paulo, apesar da diferença na densidade populacional e na melhor localização do Masp. Sei que não faz sentido, mas esse é um fenômeno que se repete e desisto de tentar entendê-lo.

Foram 561.142 visitantes cariocas em 70 dias (uma média de mais de 8 mil pessoas por dia) contra 320 mil paulistas nos dois meses nos quais a mostra esteve por lá (uma média de 5.552 pessoas por dia).

Claro que, por melhor que tenha sido a exposição, não há termos de comparação com a experiência de conhecer o verdadeiro d’Orsay. Primeiro: você está em Paris; segundo, a quantidade de obras é de deixar o mais bronco dos humanos boquiaberto.

Não sei se conseguirei, mas pretendo voltar lá um dia. Enquanto isso, vou revendo meus quadros preferidos.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: